Widget Image
Widget Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna aliquam erat volutpat. Ut wisi enim

Assine a nossa newsletter

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Edição nacional do Duelo de MC’s tem um novo campeão

Cearense de Juazeiro do Norte, Charles, sagrou-se vencedor do evento que foi realizado na Praça da Estação
Por Redação Feira Cultural

Charles, do Ceará, foi o grande campeão da final nacional do Duelo de MC’s, que ocorreu no domingo (15), na Praça da Estação, em Belo Horizonte. Com a bandeira de seu Estado amarrada ao pescoço, o artista de Juazeiro do Norte se mostrou um dos destaques do freestyle no país. Ele recebeu um prêmio de R$ 15 mil em dinheiro. Na primeira semifinal, Noventa (ES) superou Lauro (PR).

Na segunda, Charles (CE) derrotou Hate (DF). E teve início então a grande final do Duelo de MCs Nacional 2019: Noventa versus Charles. Simplesmente, uma das finais mais à flor da pele que o Hip Hop brasileiro já ofereceu. Muita qualidade. Muita torcida dos dois lados e um gargarejo de expectadores formado por Djonga, Rapadura, Hot e Oreia, grandes nomes do rap nacional.

Charles (CE), vencedor da edição nacional do Duelo de MC’s © Pablo Bernardo

Uma disputa que incendiou o público envolvendo temas como racismo, as regiões brasileiras, a política do país, o papel do hip hop na sociedade, religião, cultura popular e tudo mais que se pode imaginar.

Obviamente, a guerra se estendeu para o “terceiro” com muito sangue. Mas, após o final da batida, era impossível o Mestre de Cerimônia Douglas Din apurar o voto da plateia. Nem as manifestações de barulho nem as mãos para o alto conseguiam desempatar. A plateia, na verdade, queria era um quarto round.

Após a avaliação cuidadosa dos jurados, os seus votos foram para o cearense de Juazeiro do Norte, que tornou-se o grande vencedor da rima improvisada brasileira. Com choro pelas faces e a bandeira do seu estado amarrada ao pescoço, ele agradeceu ao público durante o freestyle do campeão e também recebeu homenagem do vice, no microfone, e o abraço de todos os outros 14 participantes na descida do palco.

Nas tardes de 14 (sábado) e 15 (domingo), Belo Horizonte recebeu a Grande Final do Duelo de MC’s Nacional 2019, integrando a programação oficial do aniversário de 122 anos de Belo Horizonte. A festa ocupou pela primeira vez a Praça da Estação, no centro de BH. Em jogo estava o título da maior batalha de rimas improvisadas do país.

Os shows com Samora N’zinga (BH), Cesar MC (ES), Clara Lima (BH), Tássia Reis (SP), Stefanie (SP), Hot e Oreia (BH) e as apresentações dos/das DJs LB, Junin Bumbep, Roger Dee e Kingdom completaram as atrações do evento que pretende receber um público de 20 mil pessoas por dia.

Na disputa pelo título nacional, 16 MC’s improvisadores de diferentes estados brasileiros. W MC (AM), Bispo (RR), Pedrão Pesadão (AP), Lemes (TO), MCharles (CE), Tonhão (CE), Vinicius ZN (PE), LV (RN), Kenshin (AL), Skinny (AL), Neo (RJ), Noventa (ES), Lauro (PR), Ornaghi (PR), Jhon (DF) e Hate (DF) são os guerreiros que se classificaram para a final. Eles enfrentaram um processo seletivo intenso, realizado em todo o país, entre os meses de maio e novembro de 2019, que reuniu mais de 3.000 MCs, de pelo menos 300 cidades dos 27 estados da federação. Nesta edição, o campeão do Duelo de MCs Nacional vai receber uma premiação de 15 mil reais em dinheiro, além de produções musicais e audiovisuais.

Quem assina o projeto é a Família de Rua, organização que acredita na essência da cultura e das manifestações artísticas urbanas. Para tanto, trabalha focada na promoção da cultura Hip Hop e do skate em seus moldes originais, preservando a originalidade e a força presentes na arte e no estilo de vida daqueles que respiram a rua cotidianamente. O coletivo é fruto do “Duelo de MCs”, que, ao lado do “Família de Rua Game of Skate”, são os principais projetos do grupo.

Crédito da imagem em destaque: Pablo Bernardo