Widget Image
Widget Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna aliquam erat volutpat. Ut wisi enim

Assine a nossa newsletter

[contact-form-7 404 "Not Found"]

#COLUNADODIAN

A vida é quase um cigarro
prazer que mata costume
enquanto escarro o perfume
das flores e loucos carros
ultra passados

as flores vivem em nós
mesma composição
mesma complexidade
efêmera como a verdade
sensível, cor, ação

absoluta

lutam com atrações e cores
como se fossem canções
mas são só flores

somos canções
amargas quando desgastadas
solitárias e abandonadas
jaulas em aberrações

sutis
azuis
anis
seduz
quem traz o pólen
traz a luz…

e nessa concepção de nascimentos florais
e durabilidade de vidas
eventos que a mantêm estável
e eventos que a põem perdida

sou ventos de boas novas
sou mar e perfume de rosas
sou vida que apodrece ao fim
sou belo, feio e assim

continuum

moldando-me conforme as pressões

sem definição

nossas vidas
são singularidades
sem necessidade
de muita questão…

somos flores repentinas
que nascem em meio ao mundo
e numa fração de segundo
desabrocha-se um coração…

FLORES DE CARNE

#67, ilustração de Thamiris Rezende

Siga o Dian no Instagram
Siga a Thamiris no Instagram