Widget Image
Widget Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna aliquam erat volutpat. Ut wisi enim

Assine a nossa newsletter

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Orquestra Sinfônica de Minas Gerais interpreta clássico russo “Pedro e Lobo” na série Concertos Comentados

Iniciativa busca despertar o interesse e a curiosidade das crianças para a música sinfônica
Por Redação Feira Cultural

Uma história que mistura fantasia e música erudita está no repertório da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais na série Concertos Comentados. Sob regência do maestro Sérgio Gomes, o corpo artístico da Fundação Clóvis Salgado executa a obra Pedro e o Lobo, composta por Sergei Prokofieff em 1936.

A narração da história será feita pela diretora de produção artística da FCS, Cláudia Malta. Serão quatro apresentações em setembro: 4/9 (terça-feira), 5/9 (quarta-feira), 6/9 (quinta-feira) e 12/9 (quarta-feira), sempre às 9h30. Os ingressos podem ser retirado no Balcão de Informações do Palácio das Artes, 30 minutos antes do concerto.

Na versão original de Pedro e o Lobo que será executada pela OSMG, as crianças são introduzidas à história por meio de etapas. Primeiro, são apresentados os instrumentos que serão utilizados para dar vida às personagens. Em seguida, conhecem a história de Pedro, que vive com seu avô no interior da Rússia e se aventura por uma floresta.

Durante as apresentações, Cláudia Malta conta para a plateia a história da composição de Prokofieff, chamando a atenção para detalhes e curiosidades que norteiam o universo de Pedro e Lobo. A diretora também vai destacar instrumentos utilizados pelo compositor para ambientar a narrativa e que determinam as características de cada personagem do conto.

Em Pedro e o Lobo, cada personagem é representado por um instrumento ou naipe da orquestra e possui um tema musical. Pedro, por exemplo, é representado pelas cordas; o Avô, pelo fagote; o oboé faz as vezes do pato, a clarineta representa o Gato, o Passarinho é a Flauta Transversal e os Caçadores, a percussão.

*Crédito da imagem em destaque: Paulo Lacerda /FCS

Serviço:
Série Concertos Comentados – Pedro e o Lobo
Data:
4/9 (terça-feira), 5/9 (quarta-feira), 6/9 (quinta-feira) e 12/9 (quarta-feira)
Horário: 9h30
Local: Grande Teatro do Palácio das Artes
Endereço: Av. Afonso Pena, 1.537 – Centro
Entrada gratuita, com retirada de ingressos 30 minutos antes
Informações: (31) 3236-7400 | fcs.mg.gov.br