Widget Image
Widget Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna aliquam erat volutpat. Ut wisi enim

Assine a nossa newsletter

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Circuito Gastronômico de Favelas chega ao Alto Vera Cruz no domingo

Terceira etapa do festival acontece na comunidade em que ele foi concebido; Público poderá assistir, por um telão, à estreia da Seleção Brasileira na Copa do Mundo da Rússia
Por Redação Feira Cultural

Após as duas primeiras etapas, que passaram por Barragem Santa Lúcia e Pedreira Prado Lopes, o Circuito Gastronômico de Favelas chega ao Alto Vera Cruz, bairro da região Leste de Belo Horizonte, neste domingo (17), em tarde que promete unir comida boa, samba e futebol, com direito a um telão para que o público não perca um lance sequer da estreia da Seleção Brasileira na Copa do Mundo na Rússia, que será contra a Suíça.

Terceira etapa do circuito acontece neste domingo (17), no Alto Vera Cruz © Maíra Cabral

Quinze atores gastronômicos – sete deles da própria comunidade do Alto Vera Cruz – oferecerão ao público preparos como costelinha com ora-pro-nóbis e angu, flor de jiló, paella mineira, costela no bafo, feijão tropeiro, torta de limão e até um curioso pastelão de 30 centímetros, no melhor estilo ogro, entre outras delícias. A democratização da gastronomia é uma das bandeiras do Circuito Gastronômico de Favelas, e nenhum prato tem preço superior a R$15.

Na etapa do Alto Vera Cruz, os participantes do Circuito são: Jânio (Tropeiro do Jânio), Marlene Martins, (Canjiquinha com Ora Pro Nobis), Dona Dirce (Feijoada Senzala), Monica da Silva (Creme de dobradinha), Cris e Marcio (Costelinha com ora-pro-nóbis e angu), Dalva (Matrifusia), Adilson Cardoso – Fígado acebolado, Maria Raquel (Flor de Jiló), Vaninho (Costela no bafo), Wanusa (Pé no Rabo), Dona Valdete (Macarrão Maravilha), Bimbal (Paella Mineira), Cristiane Oliveira (Torta Romeu e Julieta), Diones da Silva (Pastel Trem de Minas) e Dona Luci (Torta de limão e bolo no pote).

Com entrada gratuita, o evento acontecerá na esquina da Rua Belém com Avenida dos Andradas, de meio-dia às 18 horas. As linhas de ônibus 9407 e 9101 são boas opções de transporte para chegar ao local da festa, que será embalada pelo som do Samba da Vera, cuja formação homenageia o Alto Vera Cruz.

Formado por uma seleção de músicos experientes, o supergrupo tem na dianteira Flávio Renegado e Manu Dias. O primeiro já cravou seu nome como um dos principais artistas, compositores e ativistas do rap nacional. Já a compositora e intérprete Manu Dias é um expoente do samba no Estado, e seu talento vem sendo reconhecido pelo público e pela mídia. “O Samba da Vera foi formado em 2017, justamente para animar a festa no Circuito Gastronômico de Favelas.

E a cada etapa a banda está mais fincada, mais azeitada”, conta Manu. Renegado complementa dizendo que, internamente, o grupo tem outro nome. “É o Samba das Feras, pois só tem músicos excepcionais aqui”, brinca. Completam a seleção: Andinho Santo (violão), Robson Batata (percussão), Marcos Frederico (bandolim), Rudney Carvalho (cavaco), Peterson de Jesus (surdo), Aloízio Horta (baixo), Túlio do Pandeiro e Farley Lino (tan tan).

O Circuito Gastronômico de Favelas ainda passa por outras seis comunidades até o dia 29 de julho. Serra; Morro das Pedras; Jardim Teresópolis, em Betim; Vila Acaba Mundo; Vila Dias e Barreiro serão as próximas agraciadas, nesta ordem, sempre aos domingos.

Ao todo, evento vai reunir 15 participantes © Maíra Cabral

Serviço:
Circuito Gastronômico de Favelas – Etapa Alto Vera Cruz
Data:
17/6 (domingo)
Horário: das 12h às 18h
Local: Rua Belém (esquina com Avenida dos Andradas) – Pompéia
Entrada gratuita
Linhas de ônibus:
9407 e 9101
Informações: circuitogastronimicofavelas.com

.