Widget Image
Widget Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna aliquam erat volutpat. Ut wisi enim

Assine a nossa newsletter

[contact-form-7 404 "Not Found"]

#COLUNADODIAN

Sinto-me demasiadamente velho,
Como se já tivesse vivido tudo,
Já não quero me expressar,
Permaneço mudo,
Como se tudo fosse esforço a se desgastar
Por nada.

Vi e vivi coisas, das mais variadas experiências,
Cada uma era um soco
Que arrancava essência, e sendo assim, mesmo estando em juventude,
Sinto que ela teve um fim,
Com pouca magnitude

Sinto-me velho e assim anseio por descanso
Como a terceira margem do rio,
Fim a dentro, rio manso…

Eu só quero passar, sem ser assim, tão de vagar,
Eu só quero ser cometa, como o ultimo grão de areia da ampulheta,
E nas asas da borboleta, o que restar de mim voar,
E se espalhar,
Sem me consultar…

Já não quero pensar,
Nem raciocinar,
Nem lutar,
De verdade.
Já sonho em nem ter essa tal eternidade,
E se tiver,
Quero ser efêmero.

EFÊMERO

Efêmera, ilustração de Thamiris Rezende

Siga o Dian no Instagram
Siga a Thamiris no Instagram