Widget Image
Widget Image
Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna aliquam erat volutpat. Ut wisi enim

Assine a nossa newsletter

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Cine Humberto Mauro: Programação do Dia

Confira a programação desta terça-feira, 08/05/2018
Por Antônio Pedro de Souza*

A nova mostra do Cine Humberto Mauro (Avenida Afonso Pena, 1537, Centro – BH) promete abrir espaço para a discussão sobre os direitos humanos e ser uma forte aliada no combate aos preconceitos tão ruins e, ao mesmo tempo, tão em voga atualmente. Até 29 de maio, Direitos Humanos: Um Mundo Por Vir exibirá 46 filmes, incluindo sessões com closed caption, audiodescrição e libras.

Confira os filmes que serão exibidos hoje:

15:00 – O Homem Elefante, de David Lynch (The Elephant Man, EUA, 1980) | 10 anos | 125’

A história de John Merrick (John Hurt), um desafortunado cidadão da Inglaterra vitoriana portador do caso mais grave de neurofibromatose múltipla registrado até então, tendo 90% do corpo deformado. Exibido como monstro em circos e considerado débil mental pela sua dificuldade de falar, é salvo por um médico, Frederick Treves (Anthony Hopkins). No hospital Merrick se libera emocionalmente e intelectualmente, além de mostrar ser uma pessoa sensível ao extremo.

17:15 – Os Tempos de Harvey Milk, de Rob Epstein (The Times of Harvey Milk, EUA, 1984) | 12 anos | 90’

Harvey Milk foi o primeiro homem abertamente homossexual a tornar-se supervisor municipal de San Francisco. O filme acompanha sua trajetória política, de quando era o simpático dono de uma loja de câmeras até tornar-se uma importante liderança local, porta-voz das minorias. Em 1978, Milk e o prefeito George Moscone foram brutalmente assassinados pelo colega Dan White, representante da classe média conservadora. Sua trágica morte revelou a homofobia e a intolerância da população. Com isso, Milk tornou-se mártir do moderno movimento homossexual.

19:15 – Quilombo Rio dos Macacos, de Josias Pires (BRA, 2017) | 14 anos | 120’

Documentário sobre comunidade quilombola localizada entre Salvador e Simões Filho (BA), foca o conflito pela propriedade de terra de uso tradicional, reivindicada pela Marinha do Brasil. O filme denuncia graves violações de direitos humanos e documenta aspectos culturais, simbólicos e características do território, conflitos gravados no calor da hora pelos próprios quilombolas.

21:30 – Orestes, de Rodrigo Siqueira (BRA, 2015) | 16 anos | 93’

A filha de uma militante política traída e executada, uma defensora da pena de morte e uma enfermeira que lida diariamente com o resultado da violência são alguns dos personagens que se confrontam nesta reflexão sobre os mecanismos da justiça.

___

*Com informações da assessoria de imprensa da Fundação Clóvis Salgado